Blog Escola Linux

  

O poder dos bancos de dados Open Source

O poder dos bancos de dados Open Source

Quem trabalha na área de TI já deve ter percebido as vantagens do banco de dados livres, ou Open Source, já que eles minimizam ou, até mesmo, eliminam, o TCO (Total Cost of Ownership ou Custo Total de Propriedade). Eles oferecem soluções profissionais e práticas para qualquer tipo de problema, desde aplicações caseiras até financeiras de grandes empresas.

Entre os bancos de dados livres mais usados estão o MySQL e o PostgreSQL. Sendo assim, separamos abaixo algumas explicações para que você entenda, um pouco mais, sobre eles. Veja mais!

MySQL e PostgreSQL

MySQL: Um dos mais usados do mundo Open Source devido a sua fácil administração, bem como confiabilidade. Ele, geralmente, é utilizado em grandes empresas que trabalham com um volume grande de banco de dados. Sua interface é bem simples e compatível com grandes sistemas operacionais. Mesmo sendo um dos bancos mais utilizados em todo mundo, o MySQL passa por constantes atualizações e está sempre em desenvolvimento.

Conforme dito anteriormente, o MySQL é compatível com a maioria dos sistemas operacionais existentes. Isso ocorre porque ele foi desenvolvido em C e C++. Abaixo alguns dos sistemas que o agregam:

  • Compatível com todas as versões do Windows;
  • Em relação ao Linux, o MySQL é compatível com as versões Fedora, Core, Debian, SuSE e RedHAT;
  • As versões Solaris, HP-UX, AIX e SCO do Unix são compatíveis com o banco de dados;
  • FreeBSD;
  • Mac Os X Server.

Por ser Open Source, ou seja, Código Aberto, e desenvolvido e distribuído por GNU/GLP (General Public Licence ou Licença Pública Geral), o MySQL pode ser editado, assim como o seu código fonte. Diante disso, fazem parte dos princípios básicos dessa licença a utilização livre do usuário para qualquer finalidade, a livre distribuição do software para qualquer pessoa, o estudo do funcionamento do software por meio do código fonte que pode ser modificado em prol da evolução da ferramenta.

PostgreSQL: Trata-se de um Sistema de Gerenciamento de banco de dados relacional livre e estendido. Todas as informações são armazenadas, de maneira segura, em forma de tabelas, linhas e suas relações. O PostgreSQL tem a funcionalidade de lidar com cargas de trabalho pequenas (simples aplicações) até as mais pesadas (aplicações de grande porte) que necessitam o manuseio de mais usuários. Além disso suporta o padrão SQL e oferece diversas características modernas como, por exemplo, chaves estrangeiras, integridades transacionais, funções agregadas, operadores, entre outros. Vantagens - Uma das maiores vantagens de utilizar esse banco de dados é o fato de que as pequenas empresas podem atingir um nível de qualidade admirável no seu software e com baixo custo, visto que a ferramenta é de código aberto. Além disso, é possível destacar os seguintes benefícios:

  • Não é necessário pagar pela licença;
  • Ótima performance;
  • Multiplataforma;
  • Escalável.

Tanto o MySQL quanto o PostgreSQL apresentam a segurança e a acessibilidade que todo o profissional de TI procura. Sendo assim, dependendo da necessidade da empresa, cada um deles trará os benefícios ideais para manter o banco de dados protegido, além de permitir uma usabilidade prática e funcional para o dia a dia.

Curso Online Tunning MySQL

Curso Online E-Bancos de Dados PostgreSQL


Aprendizado via cursos online ou pela Internet! O ...
Instalei o Linux, e agora?
Google Analytics Alternative